Qual é o melhor teclado para seu Home Studio?

Cada proprietário de Home Studio não precisa ser necessariamente um tecladista. Mas cada proprietário de home studio vai querer colocar partes de teclado em suas gravações em algum momento. E é daí que surge a necessidade de um teclado – óbvio.

E na aula de hoje vamos falar sobre teclados. É uma aula básica, mas que com certeza vai ajudar muitas pessoas, principalmente aqueles que não são músicos. Vamos lá!

Controlador MIDI

Nem todo mundo precisa de um teclado grande e caro, com muitos sons. A maioria dos softwares de gravação para iniciantes já vem com todos os tipos de instrumentos virtuais gratuitos, como teclados, órgãos, baterias, etc.

O MIDI é uma linguagem de comunicação. É uma maneira diferente dos dispositivos se comunicarem, especialmente teclados e módulos de som.

Com o MIDI em seu home studio você poderá ter o controle completo sobre todos os aspectos do desempenho. Por exemplo, você pode gravar as informações MIDI em uma faixa, assim como a de áudio. Mas o diferencial é que você pode alterar o desempenho depois que foi gravado. Se você errar uma nota, pode simplesmente clicar sobre a nota e excluí-la. E se quiser adicionar mais notas, sem problema também.

Sintetizador

Sintetizados são um dos principais geradores de sons disponíveis para o seu estúdio de gravação em casa. Sintetizados estão disponíveis em uma variedade de tamanhos e configurações. Por exemplo, alguns teclados vêm com 61 teclas (5 oitavas), enquanto outros oferecem até 88 teclas – do tamanho de um teclado de piano acústico.

Com um sintetizador você pode gravar o som direto da saída de áudio para o computador. Além disso, os sintetizadores também possuem a saída MIDI, ou seja, você pode utilizá-los como controladores.

Arranjador

O arranjador é mais completo e funciona como um “auto acompanhamento”. Em outras palavras, com o uso de apenas alguns botões, o teclado irá fornecer apoio com faixas que correspondem automaticamente com o estilo e ritmo que você está usando.

Conclusão

Enfim, cabe a você escolher o teclado que vai atender melhor as suas necessidades. Você pode até ter os três, pois cada um tem suas particularidades e vantagens.

E se você quer montar um home studio, mas está iniciando agora e não sabe por onde começar. Eu tenho uma ótima pra você.

Estou falando do meu treinamento Home Studio Express. Um curso de altíssima qualidade para você que está começando agora. No curso você vai aprender sobre os equipamentos necessários, o melhor computador, interface de áudio, fones de ouvido, microfones e muito mais. Então, se você quer começar da forma certa e investindo muito pouco esse treinamento é o que você precisa ideal para você. Saiba mais sobre o curso clicando aqui.

Espero que goste, deixe seu comentário 🙂

 

Como Conquistar Seus Primeiros Clientes no Home Studio

Montar seu próprio Home Studio pode ser divertido e emocionante, especialmente quando você está começando.

Você tem uma nova renda, uma nova liberdade e controle, e se sente como se estivesse cuidando de suas habilidades e talentos.

Claro, isso tudo começa a partir dos seus primeiros clientes. De nada adianta ficar em casa fazendo músicas por um tempo e ninguém procurar pelos seus serviços. Então, como conseguir os primeiros clientes? Afinal de contas, você pode fazer algo para as pessoas que elas simplesmente não podem fazer por si mesmas.

Não há uma resposta fixa, mas aqui estão algumas sugestões que deram certo:

# Trabalhe de graça

Faça algo grandioso e, mais cedo ou mais tarde, alguém vai pagar por isso.

Pode parecer meio louco trabalhar de graça no início, mas realmente funciona. Se você está procurando clientes, você precisará de portfólio para convencer as pessoas a pagar pelo seu trabalho. Portanto, é necessário mostrar os trabalhos que você já fez.

Se você fizer alguns trabalhos grátis de início, vai conseguir material para seu portfólio e ainda pode ser recomendado para outras pessoas a partir do serviço grátis prestado.

# Chegue ao preço certo

Chegar ao preço certo é essencial. Leve em conta seus conhecimentos e sua experiência. Dê uma olhada em outros estúdios que oferecem serviços similares e procure saber qual o valor que eles cobram para o mesmo serviço.

Se você está cobrando mais do que o estúdio concorrente e não consegue fazer algo superior a eles, você está cobrando caro demais.

Vale ressaltar também que serviços muito baratos assustam alguns clientes, já que pode parecer suspeito.

# Crie um site

O site não precisa ser incrível, mas você vai precisar de um para direcionar os possíveis clientes e mostrar o seu portfólio. Aconselho a utilização da plataforma WordPress.

Cartões de visita com a URL do seu site também são uma boa ideia.

# Redes sociais

Músicos são loucos por mídia social, afinal de contas, é um meio gratuito de divulgação. Cada banda tem um perfil no Twitter, Facebook e, principalmente, um canal no YouTube. Portanto, mantenha-se ativo em todas as redes sociais possíveis.

Não seja apressado demais. As redes sociais são uma ótima maneira de conhecer músicos e construir um relacionamento com eles, onde futuramente eles possam querer gravar algo profissionalmente com você.

Então, siga todos os músicos da sua cidade e cidades vizinhas. Ouça suas músicas, diga algo bom sobre eles. Você sabe, fazer amigos.

# Consiga seus primeiros clientes!

Aí estão algumas maneiras simples, porém efetivas, de conseguir seus primeiros clientes no Home Studio. E se você quer montar seu home studio, mas não sabe por onde começar, eu tenho uma oportunidade especial para você!

Estou falando do Home Studio Express. Um treinamento de qualidade para quem está começando agora. Neste curso você vai aprender sobre equipamentos, o melhor computador, interfaces e muito mais. O conhecimento que será a porta de entrada no mundo do Home Studio.

E você, já conseguiu seu primeiro cliente? Comente!