Você sabe o que é uma CDJ? Neste artigo nós vamos falar sobre este aparelho bastante utilizado pelos DJS, além de tratar sobre uma questão polêmica: Qual o melhor equipamento, a Controladora ou a CDJ?

Muito se questiona sobre estes dois recursos. Muita gente aponta que muitos DJs não sabem fazer um bom uso da CDJ, de modo a não aproveitar da tecnologia a seu favor. Por outro lado, há quem diga que a controladora só é utilizada pelos profissionais amadores. Será? Confira!

O que é o CDJ

O Compact Disc Jockey, popularmente conhecido como CDJ, é um aparelho semelhante ao CD Player que conta com recursos próprios para o uso de DJs na sua colocação de tocar músicas armazenadas em CD, DVD e até mesmo pen-drive.

Os recursos mais populares nos CDJs atuais incluem botões especiais de retorno de faixa, de marcação de ponto, alteração de pitch e looping. Além do mais, nem todos os aparelhos, mas a sua maioria, conta com o recurso Master Tempo, que possibilita o controle do timbre da canção que está sendo reproduzida, mantendo o timbre dos instrumentos e da voz, mesmo quando o ritmo é acelerado ou desacelerado pelo DJ.

No geral, os CDJs são utilizados aos pares, usados de forma complementar com aparelhos de mixagem, possibilitando a concretização da transição de uma música para outra, de forma sutil e impercebível para o público.

Se hoje os equipamentos toca-discos estão sendo cada vez menos usados, atribua isso à popularização do CDJ.

O que é melhor: O CDJ ou a Controladora?

Esta pergunta é muito recorrente naqueles que estão adentrando a profissão de DJ ou que desejam dar início aos estudos da carreira.

Se este é o seu caso, saiba que a primeira coisa a saber é que não é o equipamento que determina o profissional como um bom DJ ou não. Ou seja, é fundamental ter o conhecimento das técnicas. São elas que irão determinar se o DJ é bom ou não e se ele irá fazer sucesso nas pistas.

É válido ressaltar que tanto a CDJ quanto a Controladora possuem seu pós e contras. E a escolha de qual é a melhor irá depender das suas necessidades e preferências. Não sabe o que escolher? Então confira a seguir os prós dos dois equipamentos:

CDJ: Prós

– É bastante provável que você já tenha bastante material para começar a utilizar. Além de o CD ser uma mídia bastante utilizada (e comercializada), suas faixas também podem ser passadas para um pen drive.

 

Você provavelmente tem bastante coisa já pra começar a usar. CD é ainda uma mídia muito usada, e tem muita coisa legal para vender, fora o que a gente já tem em casa.

– Fácil utilização, sendo bem mais prático do que o uso de vinis.

– A maioria dos equipamentos CDJ é compatível com USB drive, SD Card e outras entradas.

– Podem ser utilizados para controlar programas como o Traktor.

Controladoras: Prós

– Equipamento leve e compacto. Pode ser levado dentro de uma mochila, junto de seu notebook.

– Oferece ao usuário uma série de possibilidade, desde que o software seja usado corretamente. É possível tanto remixar faixas quanto mesclar 10 músicas em uma única.

– Dependendo do modelo, não requer nem o uso de tomada, bastando ligar o notebook e conectar a controladora via entrada USB.

– As Controladoras contam com múltiplas opções. Com isso, o usuário pode plugar mais controladoras via USB, além de um teclado pequeno e um drumpad. A finalidade aqui está em criar novos e diferentes elementos no seu setup.